FCC FacebookTwitterYoutube

Logo GOV SC 2019 Colorido

De 21 a 27 de setembro, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) promove a 14ª edição da Primavera dos Museus. Neste ano, o tema é “Mundo Digital: Museus em Transformação” e o Museu de Arte de Santa Catarina (MASC) está na programação do evento como apoiador de duas mesas redondas virtuais.

A primeira ocorrerá no dia 23 de setembro, das 18h às 19h, com o tema "Educação e participação: o uso das ferramentas digitais na divulgação de acervos museológicos", com a participação da professora Luciana Martins (Tainacan). A ação é promovida pela Seção Brasileira do Comitê para Educação e Ação Cultural do Conselho Internacional de Museus (CECA-BR/ICOM) e a Rede de Educadores em Museus do Brasil (REM-BR) e poderá ser acompanhada pela página da CECA-BR no YouTube.

A outra mesa redonda apoiada pelo MASC ocorrerá no dia 26 de setembro, das 16h às 17h, no mesmo canal de vídeos da CECA-BR, com o tema Mundo Digital: Educadores Museais em Transformação. Participam como convidadas as profissionais Anatacha Lochi (RJ), Chimenia Sczesny (RJ), Elaini Pacheco (PI), Barbara Rocha (GO) e Maria Helena Barbosa (SC), representante do MASC.

A 14ª Primavera dos Museus é uma ação de promoção dos museus brasileiros coordenada pelo Ibram que une instituições museológicas, durante uma semana, em torno de atividades para todos os públicos. Devido ao momento pelo qual passam a sociedade e os museus, com a pandemia causada pela Covid-19, neste ano, em especial, o Ibram orienta todos os museus participantes a desenvolverem apenas atividades em ambiente virtual.

A programação completa do evento está disponível em http://eventos.museus.gov.br/.

Mais eventos virtuais

Além do MASC, que também conta com uma série de posts diários em suas páginas no Facebook e no Instagram, o Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina (MIS-SC) e o Museu Histórico de Santa Catarina (MHSC), todos administrados pela Fundação Catarinense de Cultura, também têm desenvolvido ações virtuais enquanto não reabrem para atendimento presencial.

O MHSC está com postagens e exposições virtuais em sua página no Facebook, com ações interativas que buscam a participação do público. Já o MIS-SC apresenta a exposição virtual Arte/Cinema: do abismo de um sonho a outras histórias, do artista Alfredo Nicolaiewsky, além de posts sobre curiosidades dos discos do acervo de vinis, do projeto pedagógico Casa de Ideias, da versão on-line da exposição O que vem antes da nuvem e do programa semanal na rádio Udesc FM de Florianópolis, o Miscuta. Todas estas iniciativas podem ser acompanhadas nas páginas do MIS-SC no Facebook e no Instagram.

O Núcleo de Ação Educativa (NAE) do Museu de Arte de Santa Catarina (MASC) apresenta a proposta de interação “MASC + Escolas: Ações Digitais”, um desdobramento do projeto Famílias em CasA. A ideia é convidar professoras e professores que atuam em todos os níveis de ensino, e nas diferentes modalidades, a acessarem o material educativo disponível no site do MASC e participarem de uma exposição virtual no site do Museu, com trabalhos produzidos pelos estudantes.

A mostra será organizada a partir das atividades sugeridas nas propostas poéticas apresentadas em cada um dos módulos relativos à mediação da exposição “Coleção MASC- 70 anos”. Para escolherem um dos módulos ou mais e desenvolverem as atividades com os alunos(as), os professores podem acessar todos os arquivos no link bit.ly/MASCFamiliasEmCasa. Depois, o resultado dos trabalhos com as imagens das composições, desenhos, pinturas, colagens ou outras técnicas deve ser enviado para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., informando o nome do(a) aluno(a), da escola, do(a) professor(a), a disciplina e a série/ano.

A proposta tem como objetivo continuar a parceria entre o Museu e a Escola na promoção do acesso ao patrimônio artístico e cultural, mesmo neste momento, no qual ambas as instituições se encontram no desenvolvimento de atividades em regime de trabalho remoto, por meio virtual.

O Núcleo de Ação Educativa (NAE) do Museu de Arte de Santa Catarina (MASC), com o propósito de continuar a interação com seus diferentes públicos – mesmo que de forma virtual durante este período de quarentena em que a instituição encontra-se fechada, em razão das medidas para conter a disseminação da Covid-19 –, desenvolve o projeto MASC- Famílias em CasA, com conteúdos relacionados a obras e artistas representados na coleção do Museu, ou que participaram de exposições, bem como de outros assuntos interligados com a história, a memória do Museu e a produção de artes visuais. Os conteúdos serão divulgados semanalmente, sempre às sextas-feiras, nas páginas do MASC no Facebook e no Instagram, e estarão disponíveis na íntegra no site do Museu.

:: Confira todas as atividades

O objetivo do NAE/MASC é contribuir para momentos singulares de encontros virtuais com a arte e de diálogos, experimentações artísticas entre as pessoas que constituem os diferentes grupos de famílias unidas em suas casas neste momento de isolamento social, ou separadas por motivos de força maior, bem como criar outras possibilidades de trocas, compartilhamentos com familiares, amigos e colegas.

A primeira edição do projeto traz propostas de atividades a partir da exposição Thesaurus - Asp 70 anos, comemorativa aos 70 anos de nascimento do artista Carlos Asp, com curadoria de Ylmar Corrêa. A mostra apresenta ao público desenhos pertencentes ao acervo do MASC, de colecionadores e do próprio artista. Confira o material completo no link abaixo.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Atualização: evento cancelado.

Nos dias 19 e 20 de março será oferecida a Oficina 4Rs [“quatro erres”] que será ministrada pelo artista plástico Carlos Asp, a partir da Exposição “Thesaurus – Asp 70 anos”. A mostra é alusiva à comemoração de seu septuagésimo aniversário e tem a curadoria de Ylmar Corrêa Neto, em cartaz no Museu de Arte de Santa Catarina (MASC). A oficina é gratuita, dirigida a professoras e professores de qualquer área. As inscrições devem ser feitas pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. É necessário informar nome, formação e área de atuação.

A oficina tem o propósito de levar os (as) professores (as) a refletirem sobre as múltiplas possibilidades de produção artística na escola, com a utilização de materiais descartáveis, pautados nos conceitos de reciclar, reutilizar, ressignificar e reinserir presentes na poética do artista, que se apropria de embalagens e bulas de remédio como suporte para construir suas narrativas e suas relações de afeto e de transbordamento. Também se pretende propiciar o contato com a poética de Carlos Asp, por meio do diálogo com o artista, a fim de que os(as) participantes se apropriem de diferentes suportes e materiais tanto para construir novas narrativas quanto para se expressar artisticamente e repensar  o espaço do desenho, das palavras e dos traços nesses suportes.

O material para a oficina (opcional) é um lápis dermatográfico, de qualquer cor. 

Serviço: Oficina 4Rs [“quatro erres”] com Carlos Asp

Datas: 19 e 20 de março de 2020

Horário: 14h às 18h

Carga horária: 08 horas/aula

Local:  Espaço Claraboia (MASC)

Público-alvo: professores (as)

Vagas: 30 (por ordem de envio de inscrição)

Inscrições: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Mais informações: (48) 3664-2633/ 3664-2632 (13h às 19h)

 

O Museu de Arte de Santa Catarina (MASC) recebe a mesa redonda "Infância e Museoutros: combinação de imaginação e encantamento", com Maria Isabel Leite (MuseOutros), Telma Piacentini (Museu do Brinquedo/UFSC) e Flora Bazzo (MArquE/UFSC). A mediação será feita pela equipe do Núcleo de Ação Educativa (NAE) do MASC. A atividade será realizada no dia 11 de março, quarta-feira, das 15h às 17h.

Podem participar professores, educadores em museus e público interessado no assunto. O evento é gratuito e não é necessário fazer inscrição. 

Conheça as participantes:

:: Maria Isabel Leite: arte-educadora, pedagoga, psicopedagoga, mestre e doutora em Educação, com pós-doutorado em Arte Educação. Realiza pesquisa sobre relações que crianças estabeleceram com o acervo de sete museus londrinos. Foi fundadora do Museu da Infância, espaço que coordenou por cinco anos. Dá consultorias e faz formação em diversos museus pelo Brasil. Tem vários artigos e livros publicados sobre Infância e Museu, destacando-se o livro que organizou com a prof. Luciana Ostetto pela Editora Papirus - Museus, Educação e Cultura: encontros de crianças e professores com a arte. Coordenou a pesquisa MuseOutros, sobre a qual falará na mesa redonda.   

:: Telma Anita Piacentini: possui graduação em Pedagogia pela Faculdade de Filosofia Ciencias e Letras SC (1969), mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1985), doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (1995) e estágio especializado na Università Degli Studi di Ferrara, Itália (1991). Atualmente é professora aposentada da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), participa da coordenação e do repositório do Museu do Brinquedo no Projeto Pergamum da Biblioteca Universitária da UFSC. Criou o Museu do Brinquedo da Ilha de Santa Catarina, o Núcleo de Pesquisa NICA Infância Comunicação e Arte/UFSC- CNPq e a Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis/SC. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: cultura infantil, jogos e brincadeiras, imagens de infância, cultura da infância e identidade cultural.Desenvolve também trabalhos de artes plásticas, notadamente pintura, desenho, aquarela, gravuras e sumi-ê.

:: Flora Bazzo Schmidt: pedagoga formada pela Universidade Federal de Santa Catarina, tendo realizado intercâmbio acadêmico na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Faculdade do Porto - Portugal. Mestre em Educação pela Universidade do Estado de Santa Catarina, tendo defendido dissertação intitulada "As crianças pequenas e os museus: mapeamento e análise das produções acadêmicas acerca da relação entre museus e crianças de zero a seis anos", sob orientação da prof.ª drª Maria Cristina da Rosa Fonseca da Silva. Desde a graduação atua no campo da Educação, por meio do envolvimento com projetos de diferentes modalidades e níveis de ensino. Tem formação musical e em contação de histórias, tendo atuado nesta área e incorporado suas contribuições em seus diferentes contextos de trabalho. Atuou como docente em instituições públicas de Educação Infantil e atualmente é servidora da Universidade Federal de Santa Catarina, no cargo de Pedagoga - área educacional. Lotada no Museu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabral, coordena projetos de educação museal junto ao público - visitas mediadas, oficinas, produção de materiais pedagógicos, dentre outros. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação infantil, formação de professores, educação museal, educação patrimonial - arqueologia, contação de histórias e brincadeiras cantadas.

A mesa redonda será realizada no Espaço Claraboia, no MASC.