CIC Facebook Instagram

Logo GOV SC 2019 Colorido

A Oficina de Fotografia Contemplativa que a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) oferecerá em junho, por meio das Oficinas de Arte do Centro Integrado de Cultura (CIC), está com inscrições abertas para vagas remanescentes. Para participar, os interesados devem efetuar as inscrições em duas etapas: primeiro, pelo formulário disponível no link  http://goo.gl/forms/AzgCYZAlJK; e depois, efetivando a matrícula presencialmente, de 30 de maio a 1º de junho, das 14h às 18h, na secretaria da Diretoria de Difusão Artística, no CIC. É imprescindível que os inscritos efetivem a matrícula presencialmente, o que ocorrerá por ordem de chegada. 
 
A oficina é uma parceria entre a FCC, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), e o Instituto Meyer Filho. As aulas ocorrerão no CIC, em Florianópolis, de 3 a 10 de junho e serão ministradas pelo facilitador Pedro Alipio, fotógrafo com larga experiência e estudioso do método Miksang, como também é conhecida a fotografia contemplativa. Serão, no total, sete encontros, que ocorrerão sempre das 19h às 21h (exceto no dia 4 de junho, sábado, quando haverá aula prática no centro de Florianópolis, das 10h às 13h; e 5 de junho (domingo), quando não haverá aula).
 
No curso, serão abordados aspectos técnicos e estéticos da fotografia, o uso das câmaras fotográficas, desde as mais simples às mais sofisticadas (profissionais). Os participantes receberão temas a serem fotografados e, depois de escolherem as melhores fotografias, elas serão apresentadas em conjunto com os outros participantes para uma avaliação e aprendizado coletivo. Os participantes deverão utilizar uma câmara fotográfica digital (qualquer marca ou tamanho), ter um computador a disposição para trabalhar suas fotos e um pendrive (4 ou 8 GB são suficientes) para transportar seu material. 
 
A fotografia Miksang (contemplativa) permite ver com outros olhos o ambiente que nos cerca. A busca por um olhar instigante e sensível, fruto da observação dos diferentes contextos em que vivemos, é um dos pontos centrais deste curso, pois promove a construção de outros modos de entendimento da arte de fotografar e sua dimensão humana.
 
Sobre o facilitador
 
Pedro Alipio possui larga experiência como fotógrafo, iniciada nos anos 1970, quando trabalhou com Publicidade e Jornalismo. Ele conjuga seus conhecimentos nessa área com sua busca pelo autoconhecimento aplicado à fotografia. É um estudioso do Eneagrama, um conhecimento milenar sobre os tipos de personalidade, e é autor do livro O Segredo das Pessoas (SP: Editora Gente, 1997), bem como tem realizado cursos e palestras em diversos estados do Brasil sobre este tema. 
 
Também publicou sua fotos em vários livros e inúmeros catálogos de arte, campanhas publicitárias e reportagens em jornais e revistas. Desde 2010, tem se dedicado a pesquisar a fotografia como expressão de arte, utilizando-se do método Miksang (palavra tibetana que significa bom olho–olhar). Na fotografia contemplativa, como também é chamada, há critérios diferentes dos convencionais no momento de captar uma imagem, pois a proposta é baseada na meditação ou na atenção ao momento presente. O “clique”  ocorre quando algo desperta interesse e atenção momentânea, ao invés de uma premeditação ou composição de determinado registro. 
 
Serviço:
 
O quê: Oficina de Fotografia Contemplativa
Inscrições: primeira etapa pelo link http://goo.gl/forms/AzgCYZAlJK; segunda etapa, presencial (obrigatória), de 30 de maio a 1º de julho, das 14h às 18h, na secretaria da Diretoria de Difusão Artística, no CIC;
Aulas: de 3 a 10 de junho. Serão sete encontros, diariamente das 19h às 21h - exceto no dia 4 de junho (sábado), com aula prática das 10h às 13h; e 5 de junho (domingo), quando não haverá aula.
Onde: Oficinas de Arte do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Avenida Governador Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Participação gratuita
Informações: (48) 3664-2639 / Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Fonte: Assessoria de Comunicação FCC