FCC  Facebook Twitter Youtube instagram fcc

Logo GOV SC 2019 Colorido

A Fundação Catarinense de Cultura (FCC) lamenta o falecimento do jornalista, colunista e poeta Carlos Damião, aos 67 anos, nesta quinta-feira (17), em Florianópolis. Damião era membro do conselho consultivo do Museu Histórico de Santa Catarina e foi homenageado em 2018 com a Medalha de Mérito Cultural Cruz e Sousa, oferecida pelo Conselho Estadual de Cultura (CEC).

Carlos Damião Werner Martins nasceu em São José, na Grande Florianópolis, e ao longo da carreira atuou em diversos veículos de comunicação da capital catarinense, entre jornais alternativos, como Desterro e Contestado, até grandes periódicos como Jornal de Santa Catarina, onde foi editor-chefe; O Estado; A Notícia; e Notícias do Dia, no qual foi colunista entre 2010 e 2019. Desde 2014, mantinha um blog com textos sobre política, cotidiano de Florianópolis e se dedicava também ao resgate da história e memória ilhôa.

Ao longo da vida, publicou ainda livros como “O Dia Começa Por Baixo da Saia” (1977), “Poemas Etc” (1978), “Força de Expressão” (1984), “A Palavra Imediata” (1987), “Dons” (1994), “Alquimia da Paixão” (1995) e “Meyer Filho – Vida e Obra” (1996), biografia do artista visual Ernesto Meyer Filho.

Carlos Damião deixa três filhos. O velório deve ocorrer ainda nesta sexta-feira (18), às 13h, no Crematório Catarinense, na BR-101, km 217, em Palhoça, na Grande Florianópolis. Por volta das 17h está marcada a cerimônia de despedida.