FCC FacebookTwitterYoutube

Logo GOV SC 2019 Colorido

O Teatro Álvaro de Carvalho recebe nesta sexta-feira (6) a sétima edição do espetáculo Femina, em comemoração pelo Dia Internacional da Mulher. O show começa às 20h.

O palco será ocupado por 30 bailarinas, sob direção, produção e coreografia de Silvia Bragagnolo. Com o tema Maria Maria, o espetáculo inédito, promovido pela escola Domínio Artes Corporais, apresenta coreografias poéticas, com humor, alegria, beleza e amor, através das danças ciganas, tribais, e árabes, com cenário criativo e figurinos exuberantes.

Serviço:

O quê: 7º Femina: Maria Maria
Quando: 6 de março de 2020, às 20h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: 10 anos
Ingressos: R$ 70,00 inteira; R$ 35,00 (estudantes, idosos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos, doadores regulares de sangue e professores); R$ 20,00 promocional 1º lote (antecipado, somente com os produtores); R$ 30,00 promocional 2º lote (antecipado, somente com os produtores).
Venda nas bilheterias dos teatros e na escola Domínio Artes Corporais. Ingressos não numerados.

O municío de Rio do Sul receberá, no primeiro semestre de 2020, um projeto de musicalização infantil contemplado no Prêmio Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura. A atividade é dirigida a crianças de três a sete anos. O curso será ofertado de forma totalmente gratuita, atendendo crianças de todas as classes sociais, etnias e gênero que quiserem participar, respeitando a lotação máxima de cada turma. 

Confira o cronograma por bairro: 
10/03 a 31/03 - Bairro Barra do Trombudo
07/04 a 05/05 - Bairro Bela Aliança
12/05 a 02/06 - Bairro Santa Rita

As vagas serão ofertadas não somente para moradores desses bairros, mas também para toda e qualquer criança (na faixa etária citada) residente no município de Rio do Sul. Caso haja demanda poderão ser atendidas, também, crianças com necessidades especiais. Cada um dos três bairros terá uma turma composta por até 10 crianças, totalizando 30 vagas. 

Conforme os responsáveis pelo projeto, existem muitas possibilidades de buscar as contribuições da música no desenvolvimento da criança, uma vez que ela se faz presente em suas vidas antes de sua alfabetização. A relação com a música, às vezes, já se inicia no ventre materno e segue no decorrer da sua infância. Nas brincadeiras infantis, as crianças usam a música como forma de expressão e também para estabelecer regras, relações sociais, diversão, alegria e aprendizagem. Esses exemplos dão um breve panorama da importância da música na educação infantil, seja ela escolar ou na família.

Inscrições abertas: https://bit.ly/38jXFHj

 

 

O Centro Integrado de Cultura (CIC) recebe na próxima sexta-feira (6) uma tarde de palestras e atividades culturais que marcarão a passagem do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março. A programação faz parte das atividades previstas durante toda a semana em outros dois espaços em Florianópolis: até sexta-feira, 6, no Terminal de Integração do Centro (Ticen) e no fim de semana, 7 e 8, na cabeceira insular da Ponte Hercílio Luz.

No CIC, os eventos são abertos ao público e contará com debates sobre mercado de trabalho e saúde da mulher, seguido de apresentação de curta-metragem. Para finalizar, haverá ainda uma visita guiada pelo Museu de Arte de Santa Catarina (MASC), com foco nas obras de artistas mulheres. Confira:

Semana da Mulher Prog fcc

 

Além da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), administradora do CIC, as atividades envolvem o Gabinete da vice-governadora, a Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), a Secretaria Executiva do Meio Ambiente (Sema), a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros Militar, além do Tribunal de Justiça de Santa Catarina e da Defensoria Pública da União. Confira a programação completa da Semana:  Programação Semana da Mulher 2020 - completa

O Museu de Arte de Santa Catarina (MASC) recebe a mesa redonda "Infância e Museoutros: combinação de imaginação e encantamento", com Maria Isabel Leite (MuseOutros), Telma Piacentini (Museu do Brinquedo/UFSC) e Flora Bazzo (MArquE/UFSC). A mediação será feita pela equipe do Núcleo de Ação Educativa (NAE) do MASC. A atividade será realizada no dia 11 de março, quarta-feira, das 15h às 17h.

Podem participar professores, educadores em museus e público interessado no assunto. O evento é gratuito e não é necessário fazer inscrição. 

Conheça as participantes:

:: Maria Isabel Leite: arte-educadora, pedagoga, psicopedagoga, mestre e doutora em Educação, com pós-doutorado em Arte Educação. Realiza pesquisa sobre relações que crianças estabeleceram com o acervo de sete museus londrinos. Foi fundadora do Museu da Infância, espaço que coordenou por cinco anos. Dá consultorias e faz formação em diversos museus pelo Brasil. Tem vários artigos e livros publicados sobre Infância e Museu, destacando-se o livro que organizou com a prof. Luciana Ostetto pela Editora Papirus - Museus, Educação e Cultura: encontros de crianças e professores com a arte. Coordenou a pesquisa MuseOutros, sobre a qual falará na mesa redonda.   

:: Telma Anita Piacentini: possui graduação em Pedagogia pela Faculdade de Filosofia Ciencias e Letras SC (1969), mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1985), doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (1995) e estágio especializado na Università Degli Studi di Ferrara, Itália (1991). Atualmente é professora aposentada da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), participa da coordenação e do repositório do Museu do Brinquedo no Projeto Pergamum da Biblioteca Universitária da UFSC. Criou o Museu do Brinquedo da Ilha de Santa Catarina, o Núcleo de Pesquisa NICA Infância Comunicação e Arte/UFSC- CNPq e a Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis/SC. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: cultura infantil, jogos e brincadeiras, imagens de infância, cultura da infância e identidade cultural.Desenvolve também trabalhos de artes plásticas, notadamente pintura, desenho, aquarela, gravuras e sumi-ê.

:: Flora Bazzo Schmidt: pedagoga formada pela Universidade Federal de Santa Catarina, tendo realizado intercâmbio acadêmico na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Faculdade do Porto - Portugal. Mestre em Educação pela Universidade do Estado de Santa Catarina, tendo defendido dissertação intitulada "As crianças pequenas e os museus: mapeamento e análise das produções acadêmicas acerca da relação entre museus e crianças de zero a seis anos", sob orientação da prof.ª drª Maria Cristina da Rosa Fonseca da Silva. Desde a graduação atua no campo da Educação, por meio do envolvimento com projetos de diferentes modalidades e níveis de ensino. Tem formação musical e em contação de histórias, tendo atuado nesta área e incorporado suas contribuições em seus diferentes contextos de trabalho. Atuou como docente em instituições públicas de Educação Infantil e atualmente é servidora da Universidade Federal de Santa Catarina, no cargo de Pedagoga - área educacional. Lotada no Museu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabral, coordena projetos de educação museal junto ao público - visitas mediadas, oficinas, produção de materiais pedagógicos, dentre outros. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação infantil, formação de professores, educação museal, educação patrimonial - arqueologia, contação de histórias e brincadeiras cantadas.

A mesa redonda será realizada no Espaço Claraboia, no MASC.

O palco do Teatro Ademir Rosa, localizado no Centro Integrado de Cultura (CIC), recebe nesta sexta-feira (6) o espetáculo Beatles no Acordeon. O show começa às 21h.

No repertório da noite estão clássicos como Hey, Jude, All My Loving e Eleanor Rigby acompanhando as melodias tiradas na gaita por Diego Dias, que sobe ao palco com sua banda formada por Diogo Farina (violão), Cassiano Farina (guitarra) e Robledo Rock (bateria).

Serviço:

O quê: Beatles no Acordeon
Quando: 6 de março de 2020, às 21h
Onde: Teatro Ademir Rosa - Localizado no Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica, Florianópolis
Classificação indicativa: 16 anos
Ingressos: R$ 60,00 inteira; R$ 30,00 meia-entrada; R$ 30,00 convênios (Quevedo Ótica, Imperatriz, Koerich, Clube ND, Clube NSC).
Venda nas bilheterias dos teatros e no site Blueticket. Ingressos numerados.