FCC FacebookTwitterYoutube

Logo GOV SC 2019 Colorido

A Fundação Catarinense de Cultura (FCC) e Associação dos Artesãos da Casa da Alfândega (AACA) trabalham na elaboração de um protocolo de segurança para o planejamento de reabertura da Galeria do Artesanato Catarinense, localizado atualmente em frente à Praça XV, no Centro de Florianópolis. Os cuidados devem ser tanto para com os artesãos - em parte idosos - quanto para com os visitantes, que devem ser limitados no espaço, obedecendo ao Decreto Municipal nº 21.459.

O Natal está chegando e a Galeria do Artesanato, administrada pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC) no centro de Florianópolis, conta com diversas peças que irão ajudar quem quer enfeitar a casa nesta época do ano. São papais noeis, presépios e diversos objetos feitos por artesãos catarinenses.

A Galeria abriga trabalhos de artesãos oriundos de várias regiões do Estado, numa demonstração das várias etnias colonizadoras com suas habilidades genuínas. Ela está localizada na Praça XV de novembro esquina com Rua Victor Meirelles, no centro de Florianópolis, e abre de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h30; sábados, das 9h às 13h.

 

22112019 alfandega mhm 8887 2

Atenção: A Fundação Catarinense de Cultura (FCC) informa que a reabertura da Galeria do Artesanato, em novo endereço, foi adiada para a próxima segunda-feira (3). A abertura, incialmente prevista para essa segunda-feira (27), precisou ser reagendada para readaptação do espaço, de forma a atender o público com maior comodidade.

A Galeria do Artesanato da Casa da Alfândega mudará de endereço temporariamente, passando a funcionar na Praça XV de Novembro, esquina com a Rua Victor Meirelles, no centro de Florianópolis.  A mudança será necessária devido às obras de restauro do antigo prédio da Alfândega, localizado ao lado do Mercado Público Municipal.  Para realizar a transferência dos produtos e mobiliário, a Galeria do Artesanato ficará fechada a partir do dia 20 de maio. 

O entorno da Casa da Alfândega passa por processo de revitalização desde o ano pasado. A obra também prevê a instalação de decks de madeira, de espelhos d’água com esguichos e de bancos de concreto com assentos de madeira e nova iluminação. Essa é uma ação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em parceria com a Prefeitura de Florianópolis.

Com a nova localização da Galeria, junto à  Praça XV de Novembro, o principal objetivo  da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), órgão que faz sua administração, é preservar o artesanato de base cultural e a valorizar o saber fazer do povo catarinense. O horário de atendimento da Galeria do Artesanato permanecerá o mesmo, de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h30; e aos sábados, das 9h às 13h. A entrada é gratuita.

Sobre o novo endereço
O prédio onde a Galeria do Artesanato funcionará temporariamente foi construído nos anos 1830 para fins particulares. Mais tarde, adquirido pela Companhia de Polícia, serviu de quartel, no térreo, e Assembleia, no andar superior. Passou por obras em 1875, que alteraram as fachadas, e em 1905 recebeu melhorias para sediar a Prefeitura de Polícia. Em 1956, passou a abrigar o Tribunal de Contas do Estado e, após, a Federação Catarinense de Municípios (FECAM), até 2012. O imóvel é de propriedade do Estado e, desde 2017, está sob tutela da Fundação Catarinense de Cultura, que realizou nova reforma no local.

Sobre a Casa da Alfândega

A Casa da Alfândega, construída em estilo neoclássico, foi inaugurada em 29 de julho de 1876, data que coincidia com o aniversário da princesa Isabel. As atividades alfandegárias duraram mais de 90 anos, encerrando-se apenas em 1964 em decorrência do fechamento do porto de Florianópolis. O prédio passou, então, a sediar o arquivo da Receita Federal.

Mais tarde, entre 1977 e 1979, a edificação foi cedida ao Estado de Santa Catarina, restaurada e reinaugurada como sede do Museu Histórico de Santa Catarina, que permaneceu no local até 1986, e do Museu de Arte de Santa Catarina, que ficou no espaço até 1983. Após passar por obras de conservação em 1984, o prédio abriga, desde 1988, o projeto Galeria do Artesanato, comercializando trabalhos de artesãos oriundos de várias regiões do Estado, numa demonstração das várias etnias colonizadoras com suas habilidades genuínas.

 

 

Com as obras na Casa da Alfândega e entorno, na região central de Florianópolis, a entrada da Galeria do Artesanato está acontecendo pela Rua Conselheiro Mafra. 

No espaço são comercializados trabalhos artesãos de várias regiões de Santa catarina, numa demonstração das várias etnias colonizadoras com suas habilidades genuínas.  O intuito da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), que administra a Galeria, é a preservação do artesanato de base cultural na valorização do saber fazer do povo catarinense.

O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h30. Aos sábados, abre das 9h às 13h, com entrada gratuita.

A partir dessa semana, a entrada da Galeria do Artesanato da Casa da Afândega, no centro de Florianópolis, ocorre pela Rua Conselheiro Mafra até o fim das obras de revitalização do prédio e seu entorno.