FCC FacebookTwitterYoutube

Logo GOV SC 2019 Colorido

O Programa de Pós-Graduação em Memória Social e Patrimônio Cultural do Instituto de Ciências Humanas da Universidade Federal de Pelotas promoverá, entre os dias 22 e 24 de setembro de 2010, o 4º Seminário Internacional em Memória e Patrimônio, que terá como tema “Memória, Patrimônio e Tradição”.
Entre os palestrantes estarão os professores Daniel Fabre (EHESS/LAHIC-CNRS/França), Gaetano Ciarcia (Université Montpellier; LAHIC/França), Juan Carlos Radovich (UBA/Argentina) e Paulo Costa (Instituto de Museus e Conservação, Ministério da Cultura/Portugal).
Até 30 de março estarão abertas as inscrições de mesas temáticas propostas por pesquisadores das áreas afins e de comunicações.

O Instituto Brasileiro de Museus – Ibram/MinC publicou nesta sexta-feira (23), no Diário Oficial da União, o resultado do Edital Modernização de Museus 2010. Das instituições museológicas participantes, foram classificados 35 projetos, dos quais oito receberão apoio financeiro e os demais compõem uma lista de reserva. A novidade desta edição é que, além de aquisição de mobiliário, acervos, equipamentos e material permanente, os recursos podem ser usados para execução de serviços e adequação de espaços museais.

Nesta edição, duas instituições do Nordeste, três do Sul, duas do Sudeste e uma do Centro-Oeste alcançaram as melhores pontuações.

Confira a relação dos projetos classificados para dowload:

As entidades proponentes dos projetos classificados do 1º ao 8º lugar, deverão providenciar, no prazo máximo de 15 dias úteis, a contar da publicação do resultado no Diário Oficial da União, o seu credenciamento e inclusão das propostas no Sistema de Convênios -
SICONV (www.convenios.gov.br), ou preencher e encaminhar Plano de Trabalho Simplificado (no caso de entidades federais). Deverão apresentar ainda, neste prazo, respostas a eventuais diligências, conforme mencionado nos itens 5.4.2 e 5.4.6 do Edital, sob pena de configurar a desistência da entidade.

Saiba mais: www.museus.gov.br

O curso, oferecido via platarforma de ensino à distância (EAD) pelo SENAC,  capacita profissionais que trabalham ou desejam ingressar no mercado de gestão cultural, capazes de participar de todas as fases do processo de desenvolvimento de atividades culturais, como: criação, elaboração, produção, distribuição, difusão e gestão de projetos culturais, de políticas culturais públicas e do terceiro setor.

Duração: 13 meses

Investimento total: R$ 3.440,00 (Taxa de matrícula R$ 60,00 + 13 parcelas de R$ 260,00)

Inicio: 19/junho/2010

Programa

O programa do curso está estruturado a partir do desenvolvimento de competências queconduzam à formação de um cidadão consciente do mundo à sua volta: um sujeito capaz de gerir sua vida profissional e ao mesmo tempo consciente de seu papel de cidadão na sociedade.

1) ORGANIZAÇÃO DA CULTURA

O cenário da cultura no Brasil e a globalização

Da idéia à ação: o que é um projeto cultural

Associação de amigos e outras modalidades

Políticas culturais

2) GESTÃO DE PROJETOS CULTURAIS

Projeto integrador: elaborar estrutura de projeto cultural

Análise de viabilidade

Abertura de firma

Plano de negócios

Elaboração das etapas do projeto

Planejamento administrativo

Legislação e direito autoral

Prestação de contas

viabilidade

3) GESTÃO E MARKETING CULTURAL

Projeto integrador: elaborar plano de negócios contendo definição de missão e análise de

Marketing e Comunicação

Intercâmbio e parcerias

Montagem de orçamento

Articulação das etapas do projeto

Técnicas de venda

4) GESTÃO DE EQUIPAMENTOS CULTURAIS

Projeto Integrador: apresentar projeto elaborado com articulação das etapas e orçamento

Gerenciamento financeiro

Perfil de atuação e posicionamento

Ações Educativas

adequadamente incentivos fiscais – federal, estadual e municipal – pertinentes à sua

viabilização.

5) PAINEL CULTURAL CONTEMPORÂNEO

Projeto integrador: finalizar elaboração de projeto cultural, formatando e utilizando

Gestão contemporânea da cultura ibero-americana e do Mercosul

Cultura e transformação social

Cultura e comunicação

Projeto integrador: Trabalho de Conclusão de Curso - Apresentar projeto para a Banca Examinadora, utilizando técnica de pitching.

 

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC) abriu nesta terça-feira (20) chamada pública com o objetivo de preencher o cargo de diretor do Museu Casa da Hera, em Vassouras-RJ. Podem concorrer servidores efetivos e não servidores, que tenham formação em nível superior na área de Museologia, ou áreas afins no campo das Ciências Sociais e/ou Humanas, com experiência comprovada de atuação em museus de no mínimo três anos.

Os candidatos devem enviar a documentação necessária (Currículo, Declaração de Intenção e Plano de Trabalho) até o dia 10 de maio de 2010 para o endereço eletrônico
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

A reunião no gabinete da presidência da FCC(Fundação Catarinense de Cultura) realizada na tarde de terça-feira(04/05) entre a equipe de trabalho da fundação e o Secretário de Cultura, Turismo e Esporte Waldir Walendowsky e o diretor geral da secretaria Gilberto Saavedra definiu a transição do cargo de presidente da fundação, já que Anita Pires pediu exoneração do cargo na sexta-feira(30/04).

Pires fica no cargo até o próximo dia 13, quando entrega em reunião em Brasília também o cargo de presidente do fórum dos secretários de cultura, entidade que congrega secretários de diversos estados e capitais que militam pela regularização da cultura no Brasil, com destaque para o Sistema Nacional de Cultura.

No encontro, ela recebeu o carinho dos funcionários, bem como de Waldir e Saavedra, amigos de longa data. "Dois anos na FCC foi um aprendizado, uma experiência profissional maravilhosa, do qual agradeço a dedicação dos servidores da casa", declarou Anita.

Até esta data, ela continua trabalhando no gabinete, na fundação, com toda equipe da FCC, cujo objetivo é garantir que todos os projetos e tramites da FCC estejam funcionando perfeitamente para que o novo presidente tenha condições para executar o bom trabalho que a cultura catarinense precisa e merece. "O setor cultural responde por 7% do PIB nacional, segundo dados do Ministério da Cultura, à frente, inclusive, de setores fortes da economia, como a indústria automobilística. E também responde por 17% entre os produtos turísticos do estado de Santa Catarina", diz Anita.

"é preciso que a próxima pessoa no cargo tenha a noção de um gestor cultural moderno: que sabe que a cultura constrói a cidadania e a democracia e também promove riqueza e bem-estar", completa.

Conforme a imprensa noticiou, Pires decidiu deixar o cargo logo após ler na coluna de Cacau Menezes, na edição de sexta-feira do jornal Diário Catarinense, que o Governador o tinha convidado para assumir seu lugar.