FCC FacebookTwitterYoutube

Termina no domingo, 17,  o período de visitação da mostra Almofada de Penas: arte em stop motion, no Museu da Imagem e Som de Santa Catarina (MIS/SC). A exposição retrata a trajetória da gravação do filme de stop motion Almofada de Penas, produzido em Florianópolis.

Entre as peças em exposição, estão personagens, cenários, adereços, figurinos e sistemas utilizados durante o processo de animação, além de materiais de pesquisa, storyboard, concepts, cartazes, trailer e imagens de bastidores. A mostra evidencia as diversas etapas que compõem o filme, permitindo percorrer com detalhamento o mundo da animação em stop motion. "Representa para toda a equipe a consagração de mais de cinco anos de trabalho", destaca o diretor Joseph Specker Nys. "É também uma oportunidade de podermos mostrar todos os detalhes e nuances dos procedimentos envolvidos na arte do stop motion, que a maioria das pessoas desconhece ou simplesmente não percebe quando assiste a um filme que utiliza a técnica", completa.

O filme participa, neste mês, do Festival de Annecy (França), considerado o mais importante festival de animação do mundo. É o único filme catarinense slecionado no evento.

 

Sobre o filme

Poucas técnicas de filmagem são tão minuciosas quanto o stop motion: são necessárias 24 fotos para se criar um segundo de filme. E foi com esse desafio em mãos que o diretor Joseph Specker Nys escolheu a técnica para conceber o curta-metragem de animação "Almofada de Penas". O passo seguinte foi juntar-se à produtora 2 Plátanos e reunir profissionais das mais variadas áreas e nacionalidades na cidade de Florianópolis. Como resultado, o projeto foi contemplado no programa Rumos Itaú Cultural 2013-2014.

Após cinco anos de muita pesquisa e processos artísticos, a equipe apresenta ao mundo uma animação de 12 minutos e 17 segundos que ganha uma exposição no MIS/SC.

Almofada de Penas é uma adaptação do conto homônimo do escritor Horacio Quiroga (1878-1937), considerado um dos principais contistas latino-americanos de todos os tempos. A trama traz Alicia, protagonista que contrai uma doença inexplicável, enquanto seu marido Jordão presencia tudo de modo indiferente. Algo oculto a está enlouquecendo e a enfermidade faz a jovem mulher mesclar a realidade com alucinações monstruosas.

Agende-se:

Mostra Almofada de Penas: arte em stop motion

Visitação: até 17 de junho de 2018, de terça a domingo das 10 às 21h

Local: Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina (MIS/SC), Centro Integrado de Cultura (CIC) - Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5.600 – Agronômica, Florianópolis/SC.

Entrada Gratuita.